Atletas*

    Cada mulher tem uma jornada única.
    E um top ideal também.

    Histórias de mulheres incríveis numa troca de experiências únicas com seus tops esportivos. Tudo para você se inspirar com novas referências femininas e continuar se mantendo ativa.

    Aisha Mbikila

    Protagonista na frente e atrás das câmeras, Aisha é muitas em uma: modelo, performer, atriz, DJ e diretora. Com a mãe e a avó, aprendeu a segurar as pontas e teve todo o suporte para descobrir o seu poder.

    "A minha maior conquista é entender o meu poder. Mergulhar no meu amor interior e entender que eu sou capaz de ir aonde quiser e realizar o que quiser."

    Aisha sempre esteve em movimento e, no esporte, não foi diferente. Capoeira, nado sincronizado, ginástica, corrida, yoga e dança são só algumas das atividades que já experimentou. A prática esportiva é o seu refúgio e o top certo é o seu maior aliado para se sentir mais confiante, linda e livre.

    "O esporte influencia a autoconfiança, porque a gente mergulha no desafio de treinar, alcançar a meta, atravessar preconceitos. O top ideal é o que faz eu me sentir livre e pronta. Que me faz esquecer de qualquer coisa pra mergulhar na minha performance e na minha entrega", afirma Aisha.

    Alice Yuri

    Longe demais nunca é demais pra Alice. Desde 2015, a corrida se tornou seu esporte e estilo de vida e a maratona ensinou a seguir em frente sempre. Dos 5k aos 42k, pra ela, cada vez que vencemos um desafio nos tornamos mais fortes.

    "Eu já duvidei muito da minha força, mas a maratona me mostrou o quanto posso ser forte. Sou uma sonhadora, que ama se desafiar e quebrar os meus próprios limites no esporte."

    Com a corrida, a Alice aprendeu a superar perdas e os próprios medos. Sem contar a superação de tempos, recordes, medalhas e limites. Para chegar nos seus objetivos e se sentir segura nos treinos, encontrar o top Nike ideal foi essencial para ela. Você provavelmente se identifica com essa necessidade de um top com boa sustentação quando o assunto é corrida, independente do seu nível de performance.

    ?O esporte foi minha válvula de escape, meu momento de terapia, minha forma de autocuidado. Aprendi a ser mais autoconfiante, a ter uma melhor relação com o meu corpo, ame aceitar e respeitar, diz Alice. "Foi um longo processo de aceitação, agora me sinto bem com o meu próprio corpo. A corrida me ajudou muito com isso, e os tops da Nike também. O top ideal pra mim é o que me traz confiança, conforto, e que faz eu me sentir empoderada. Tem top que tem o poder de nos fazer sentir até mais bonitas!?

    Bia Ferreira

    Não é só no ringue que ela é uma mulher guerreira e batalhadora. Campeã mundial e dona de muitos títulos, faz história no boxe feminino brasileiro. Uma história que começou desde muito cedo com o suporte do pai, que era lutador.

    "Quero ser inspiração para as mulheres que estão chegando no boxe e para aquelas que sonham em ser atletas. O caminho é longo, é difícil, mas somos capazes de alcançar todos os nossos sonhos e objetivos. Gosto muito dos tops de alta sustentação da Nike, que me dão conforto, segurança e qualidade nos movimentos da luta."

    Letticia Muniz

    Letticia se descreve em 5 palavras: modelo, apresentadora, linda, livre e feliz. Sua relação com o esporte, e com seu próprio corpo, mudou quando descobriu que praticar exercício não precisa ser sobre queimar calorias, mas sim sobre encontrar atividades que a fazem se sentir bem.

    "Sempre lutei muito pelos meus sonhos sem desistir mesmo com muitas dificuldades. E o esporte me mostrou que sou forte e incansável. Esse é o meu poder: saber que vou conseguir porque não vou desistir enquanto não conseguir!"

    Encontrar o top perfeito permitiu que a Letticia pudesse descobrir que seu corpo é capaz de tudo. Agora ela se sente livre para praticar qualquer exercício e focar no que mais importa: cuidar da saúde, repor as energias e incentivar outras mulheres a descobrirem o prazer no esporte.

    "Danço, corro, caminho, faço yoga, alongamento, o esporte que me der vontade! Sou feliz sendo eu mesma e meu trabalho é ajudar outras mulheres a sentirem a liberdade que eu sinto e serem felizes como eu sou, sem amando e se cuidando. Não porque a gente quer mudar nosso corpo, e sim porque quer se cuidar por amor!"

    "Quando descobri o suporte adequado pros meus seios tudo mudou. Agora que uso o top correto me sinto segura e livre pra praticar o esporte que quiser!"

    Mayara Rosa

    Artista, dançarina e cheia de energia. Mayara gosta de estar em movimento e tem uma conexão muito forte com a arte. De hobby a profissão, a dança se tornou sua principal ferramenta para influenciar mulheres a seguirem seus passos e ocuparem mais espaços. Pra Mayara, a dança movimenta histórias, ideias e vidas.

    "Hoje a dança ocupa um lugar não só de movimento, mas de corpo enquanto manifesto político. Entendi que a minha missão é também poder contribuir para que as mulheres enxerguem seu máximo potencial, respeitando suas histórias e suas trajetórias."

    A dança representa a sua liberdade de poder ser quem quiser, além de ser uma motivação pra se dedicar a ter e oferecer o melhor. Dançando, ela se sente confiante para conquistar os seus objetivos. Mas para se sentir assim, precisa contar com o suporte do top que mantém tudo no lugar.

    "Eu e a dança somos a mesma pessoa. Todos os meus movimentos, enquanto manifestações artísticas, me ajudam no meu dia a dia. Quanto mais conquistas eu tive na dança, mais isso me influenciou a acredita em tudo que eu desejava em outros aspectos. A dança em possibilitou sonhar. Por ter seios médios a grandes, a prática de exercícios pode ser dolorida. Sempre me preocupo com a sustentação. Me sinto mais confortável e confiante com os tops que são nadador."

    Nicole Merhy

    Também conhecida como Nicolle, a Cherrygumms é gamer, empresária e CEO da sua própria vida. Ela já praticou diferentes esportes, mas foi no mundo dos e-Sports que encontrou seu maior talento e a maior paixão. Sua história com os jogos começou desde pequena.

    "Sempre fui fascinada pelo mundo do games, desde os jogos de terror aos de histórias. Além de amar os jogos, sempre fui muito competitiva, praticava todos os tipos de esporte no colégio e entrava em todas as competições. Mas a minha história com os games não parou na infância, ela se uniu à paixão por competições e virou profissão."

    Natação, ballet, street dance, vôlei, muay thai, handball, futebol: essas são só algumas das experiências da Cherrygumms antes de focar nos e-Sports. Hoje ela é dona de um dos maiores times de jogos eletrônicos do Brasil, já conquistou diversos prêmios e é o maior nome feminino no cenário nacional. Para encarar toda essa rotina cheia de atividades, independente do universo que ela esteja, é muito importante encontrar um top que a faça se sentir confiante no mundo dos esportes: tanto online, quanto offline.

    "A prática de esportes me conectou com as pessoas e despertou o melhor de mim. O esporte mostra nossas limitações e nossas superações, muda nossa percepção do que é ser mulher por enaltecer nossas habilidades e conquistas. Toda vez que corro, meus seios pulam e sinto desconforto. Por isso, o top tem que me proporcionar estabilidade, segurança e conforto. Com o modelo ideal, me sinto pronta e completa."

    Rafa Brites

    Com o apoio da família, a Rafa aprendeu a transformar sonhos em realidade.
    É escritora, palestrante, empreendedora e fundadora de uma plataforma de cursos de revolução pessoal. Hoje ela se dedica a levar autoconhecimento para muitas mulheres, abordando assuntos como maternidade real, feminismo e diferentes reflexões sobre a vida.

    "A busca pelos nossos sonhos é o único caminho possível para a felicidade."

    Para realizar os nossos sonhos, a gente precisa se sentir bem. Depois de praticar basquete, muay thai e corrida, foi na yoga e no funcional que a Rafa encontrou uma fonte de prazer e de produção de pílulas mágicas da felicidade, como gosta de chamar os efeitos dos hormônios liberados quando se exercita. Durante a gestação, ela também conta com o top como seu grande aliado pra se sentir segura, por isso, os modelos que oferecem sustentação e pouca movimentação dos seios são suas escolhas favoritas nessa fase da sua vida.

    "O esporte ajuda na minha saúde mental, disposição e autoestima. É um momento de autocuidado e prazer, quase como um ato político. Onde a mulher se volta para o seu bem-estar apropriando da sua história e do seu corpo. Sem contar a yoga, minhas atividades sempre foram de impacto. Se eu esquecesse o top em casa, não poderia treinar, e diferentemente do sutiã que, muitas vezes, usamos para esconder os mamilos e evitar a hipersexualização dos nossos corpos, o top é necessário para o nosso bem-estar."

    Thawany Peroli

    A Peroli não tem medo de mudar e nem de se conectar com diferentes pessoas. Professora por formação, já trabalhou com marketing, comunicação e diversas áreas até focar na música: primeiro como DJ, depois como produtora de eventos. E foi com esse repertório que ela se tornou um elo na conexão da cena do grime em São Paulo.

    "Sou uma pessoa bastante curiosa desde criança. Sempre quis saber o porquê das coisas e acredito que isso é o que me move até hoje. A curiosidade de conhecer o novo e furar as bolhas sem me acomodar."

    Ela acredita que o esporte pode ser uma válvula de escape para impulsionar o seu bem-estar. Nessa missão, os alongamentos são sua forma de movimentar o corpo e renovar o seu astral. Os tops confortáveis são seus aliados, mas também viraram peça-chave na composição de looks cheios de estilo para os rolês ou para o corre de sua rotina.

    "Geralmente, o movimento corporal está ligado a como estou me sentindo e a como vou me sentir melhor depois de praticar. E esses fatores se conectam diretamente com a minha autoconfiança e autoestima também. Além de dar segurança e conforto, a estética do top é super importante pra mim. O suporte certo valoriza o formato do busto."